domingo, 29 de maio de 2016

DESTINOS DE INVERNO ECONÔMICOS



A cidade respira a influência de seus imigrantes alemães: mais de 70% de seus moradores possuem ascendência germânica, fato notado nos costumes e na arquitetura enxaimel da cidade. Porcelana, ovos pintados e chocolate estão entre os principais destaques nas compras. Em julho, visitantes podem aproveitar dois eventos: o Festival Gastronômico e a Festa do Colono, que celebra seus colonizadores com grupos folclóricos, comida típica e bingos. Aproveite para visitar o zoológico, considerado o maior de Santa Catarina e ideal pra ir com crianças.




Nada menos que as cidade mais frias do Brasil, podendo até nevar! Em Urubici, foi registrada a menor temperatura do país: -17,8°C. Os vinhos também são a grande atração de São Joaquim: a vinícola Monte Agudo oferece um farto piquenique a seus visitantes, enquanto a Villa Francioni chama atenção pela arquitetura repleta de vitrais e mosaicos. Entre as principais atrações, está a Serra do Rio do Rastro, que liga as montanhas ao litoral catarinense, e o Morro da Igreja.

sexta-feira, 27 de maio de 2016

APROVEITE AS BAIXAS TEMPERATURAS


Imagem relacionada

Em Joinville, milhares de turistas enfrentam as baixas temperaturas para acompanhar o tradicional Festival de Dança, no mês de julho. Divirta-se com passeios pelos vários museus da cidade, tours pela gastronomia típica alemã ou trilhas na mata.

CIDADE DE INVERNO

Resultado de imagem para urubici neve

No triângulo entre São Joaquim, Urupema e Urubici, temperaturas abaixo de zero e neve ocasional fazem a alegria dos turistas. A disputa pelo título de cidade mais fria do Brasil é acirrada (e tem dezenas de outros pretendentes), mas Urubici destaca-se por um centrinho agradável, boas opções gastronômicas, pousadas de qualidade e uma natureza de recortes deslumbrantes. A Pedra Furada e o Morro da Igreja estão entre as melhores atrações da região, assim como a Serra do Rio do Rastro, na vizinha Bom Jardim da Serra.

quinta-feira, 26 de maio de 2016

CURTIR O OUTONO


No início do outono, ainda dá para aproveitar dias ensolarados em Florianópolis

Após as férias escolares e o carnaval, a capital catarinense surge como uma excelente opção para os viajantes, sem a multidão de turistas da temporada, nos dias de sol forte ainda dá para aproveitar as praias. A capital ainda tem outros atrativos, como a Lagoa da Conceição, os bons restaurantes, bares e baladas animados.

POST DO MÊS DE MAIO 2016


POST MAIS VISUALIZADO NO MÊS DE MAIO 2016




domingo, 22 de maio de 2016

SÃO JOAQUIM

Em São Joaquim, o frio é a grande atração: a temperatura aqui já chegou a -10ºC (e pode nevar no inverno). Em qualquer estação, vale a pena visitar a Vinícola Villa Francioni. Atenção: a oferta de caixas eletrônicos é bem limitada. A cidade fica próxima (46km) de Bom Jardim da Serra, município colado à cinematográfica Serra do Rio do Rastro..


HOSPEDAGEM sugestão



BRANCA DE NEVE


RESTAURANTE sugestão

PEQUENO BOSQUE


VENTO MINUANO GRILL


ATRAÇÕES
passeio


O sonho do fundador, Dilor de Freitas, materializou-se em um edifício admirável. As paredes, construídas com restos de ruínas de casas da região, e os vitrais, trazidos do Uruguai, protegem uma fábrica sustentável de vinhos, alguns deles premiados. O passeio guiado (1h30) começa com um vídeo que conta a história do lugar, segue com um tour pela propriedade e termina em uma aula-degustação. 




aventura

SNOW VALLEY

Na entrada da cidade, tem muro de escalada, pêndulo, arvorismo e trilhas que podem ser feitas com quadriciclo. 


evento


Realizada entre o final de abril e começo de maio, promove shows, rodeio crioulo (com cavalos), seminários e venda de maçãs e derivados.

Resultado de imagem para festa nacional da maçã em são joaquim

compras

EMPÓRIO QUATRO ESTAÇÕES

Em frente ao centro de atendimento de visitantes, vende artesanato e objetos para a casa, além de geleias, frutas cristalizadas e biscoitos da cooperativa de funcionárias da Vinícola Sanjo.

Resultado de imagem para empório 4 estações em são joaquim

VINÍCOLA SANJO

Uma das maiores produtoras de maçã do país vende as frutas frescas, secas, vinhos e espumantes também produzidos pela marca, além dos biscoitos e chocolates caseiros feitos pela cooperativa de funcionárias.

Av. Irineu Bornhausem, 677( 49) 3233-7300





quinta-feira, 19 de maio de 2016

PORTO BELO

O mar calmo recebe navios com turistas que vem passar o dia. as praias são belas e tranquilas, e a estrutura de comércio, satisfatória. 


HOSPEDAGEM sugestão


A estrada de acesso é de terra e com buracos - em dias de chuva, torna-se precária. Mas o que o caminho tem de difícil, compensa com beleza. As casinhas, morro acima e de costas para o mar, fazem lembrar os Açores. Dentro do resort, os quartos têm sacadas enormes - algumas delas, de onde não se vê a mata, parecem flutuar sobre o mar.


POUSADA VÔ JAQUES

Tem um deque com mesas e guarda-sóis para quem quer aproveitar a vista para a praia com mais conforto. Os quartos ficam em volta da recepção e do lobby - os de frente para o mar têm varanda mais larga.


RESTAURANTE

ILHA DE PIRÃO
Resultado de imagem para restaurante ilha de pirão

ATRAÇÕES


Uma travessia de 10 minutos de barco leva à ilha. Em terra, basta alugar cadeira e guarda-sol e escolher entre as três praias: a do Trapiche, ponto de chegada e partida, a Central, mais animada e com estrutura de bar e restaurante, e a Prainha, boa para grupos. Também é possível visitar o museu que conta a história da ilha, mergulhar com snorkel e caminhar por uma trilha ecológica (45 minutos) que passa por um mirante e inscrições rupestres. A visita à ilha é liberada das 8h às 18h (dezembro a março). Acesso a partir do trapiche dos pescadores (Praça dos Pescadores/Av. Manoel Felipe da Silva). 



O passeio mais completo (3h30 de duração) começa às 10h na Praia de Porto Belo e inclui duas paradas para mergulho com snorkel – passa pela Vila do Araçá, Ponta de Porto Belo, Bombas, Bombinhas, Sepultura, Caixa D'Aço e termina na Ilha de Porto Belo (quem quiser pode descer ali e retornar às 16h ou 18h30). Vestida a caráter, a equipe dos barcos do Porto dos Piratas anima os passageiros. Passeios mais curtos, com só uma parada para mergulho, partem às 10h30, 12h30, 14h30 e 16h30 (quem embarca mais tarde pode encontrar atrações fechadas). De novembro até a Páscoa, os passeios saem todos os dias. No resto do ano, só nos fins de semana ou com reserva.



praias

PRAIA ESTALEIRO

Cercada por dois costões e muita vegetação, tem água verdinha, boa para mergulho. A pequena faixa de areia (150 m) é muito disputada por famílias nos fins de semana. Acesso apenas por barco ou a pé, por trilha de 5 minutos, íngreme e escorregadia. Entrada ao lado de um condomínio residencial.

Resultado de imagem para praia estaleiro em porto belo

PRAIA CAIXA D´AÇO

Faixa de areia dura, boa para a prática de vôlei, frescobol e futebol. As águas verdes são calmas e rasas, mas vale prestar atenção: no costão direito, o mar costuma puxar bastante. Tem bares flutuantes - os mais corajosos arriscam nadar ao menos até o primeiro deles. Acesso por trilha de 5 minutos.

Resultado de imagem para caixa daço em porto belo
PRAIA ARAÇÁ
Povoada por pescadores de origem açoriana, a praia de mar calmo abriga os barcos da região.

Resultado de imagem para araça em porto belo

PRAIA DE PORTO BELO
No Centro, com águas tranquilas. Ponto de partida dos passeios de escuna para a Ilha de Porto Belo.

PRAIA PEREQUÊ

A maior e mais movimentada do município. Muito procurada por causa da ampla faixa de areia, boa para a prática de esportes.
compras
O artista usa a técnica da monoqueima, em que o barro vai ao forno já esmaltado. 
Depois de visitar o ceramista Edmundo Campos, basta andar mais um pouquinho para conhecer o alambique, que desde 1965 produz cachaças e licores. Cerca de 40 mil litros são fabricados por ano, em sabores como café, coco, ervas e abacaxi.

Resultado de imagem para alambique pedro alemão
A pequena loja reúne amostras do trabalho de diversos artesãos locais. Peças feitas com escama de peixe, cerâmica, miniaturas de barquinhos e até cachaças estão nas prateleiras. A Casa também organiza passeios, como o de jipe.
SÍTIO BELA VISTA
O casal Imair e Jorge mostra como são feitos biscoitinhos tradicionais, como de polvilho, ou diferentes, como de tupinambor (um tipo de caule subterrâneo). Também há geleias. Agende a visita.

Resultado de imagem para sitio bela vista em porto belo



sexta-feira, 13 de maio de 2016

PIÇARRAS

Balneário muito frequentado por famílias, serve de base para quem vai visitar o Beto Carrero World, na vizinha Penha.

NOVA VENEZA

A 17 quilômetros de Criciúma, a região foi colonizada por italianos por volta de 1870. Vá para provar pratos típicos destes imigrantes, baseados em milho e galinha. 
HOSPEDAGEM
POUSADA GHELLERE
RESTAURANTE
GHELLERE (POUSADA)
IL CAMINO

Travessa Osvalso Búrigo, 142 - 3436-1018 (48)



domingo, 1 de maio de 2016

LAGES

A principal cidade da Serra Catarinense foi pioneira no turismo rural. As porteiras das fazendas da região estão abertas aos visitantes desde 1985. Muitas se transformaram em hotéis e levam seus hóspedes para conhecer a rotina do campo em passeios a cavalo e atividades de lida e ordenha de gado.

Turismo em Santa Catarina:

HOSPEDAGEM sugestão





Imagem relacionada

RESTAURANTE 

FAZENDA BOQUEIRÃO (HOTEL)
Turismo em Santa Catarina:

MUZZARELLA


ATRAÇÕES
passeio

FAZENDA BOQUEIRÃO

Das 10h às 18h, o dia rende com passeios a cavalo ou num jipe adaptado, visitas ao curral e ordenha de animais. A área de lazer do hotel-fazenda, com piscinas, hidro e quadra de tênis, também pode ser usada. Aos sábados, há shows de música gaúcha. Com almoço e chá da tarde.

Resultado de imagem para fazenda boqueirão


Roteiros entre 2 e 7 dias por uma antiga rota de tropeiros, com pernoites em fazendas, carro de apoio e guias. Com refeições e hospedagem. 


evento


Os dez dias de evento, com shows, exposições, dança e comida típica, começam sempre uma semana antes do feriado de Corpus Christi. Parque de Exposições Conta Dinheiro.



ILHA DO PAPAGAIO

A ilha particular faz parte do município de Palhoça. O acesso, exclusivo aos hóspedes da Pousada Ilha do Papagaio, é feito a partir da Praia do Sonho.


HOSPEDAGEM



FRAIBURGO

Responsável por quase 20% da produção nacional de maçã. Entre fevereiro e abril, a colheita é aberta aos turistas.